HGV entrega reforma da Ortopedia e realiza mutirão de consultas nesta quinta (24)

O Hospital Getúlio Vargas (HGV) inaugura, nesta quinta-feira (24), as novas instalações do Posto de Enfermagem e climatização das enfermarias da Clínica Ortopédica. Estes setores receberam readequação do espaço físico e intervenções na parte elétrica e hidráulica, além de novos ares-condicionados, passando a oferecer melhores condições de trabalho aos profissionais e mais conforto aos pacientes.

Mutirão

Nesta quinta-feira, também acontece um mutirão, onde serão oferecidas 150 consultas com mastologista para mulheres. A iniciativa faz parte da programação da Campanha Outubro Rosa Piauí, da qual o HGV faz parte. Além das consultas, já estão sendo ofertados desde o dia 14 de outubro, 750 exames de mamografia, 150 ultrassons mamários e 104 cirurgias de mama.

Antes de começar o atendimento, as mulheres que estiverem com consultas agendadas para o Ambulatório de Ginecologia do HGV podem participar da palestra “Câncer de mama: a importância do diagnóstico precoce”, com o mastologista Benedito Borges, às 7h no auditório do hospital.

Segundo o diretor-geral do HGV, Gilberto Albuquerque, o objetivo é atender e conscientizar as mulheres sobre a importância do diagnóstico precoce. Os exames seguem até o dia 14 de novembro e as cirurgias de mama acontecem no período de 26 de outubro a 9 de novembro.

Para o presidente da Fundação Hospitalar do Estado, Welton Bandeira, são melhorias que acontecem de forma contínua e trazem benefícios para os pacientes. “Estamos sempre investindo em benfeitorias na clínicas do HGV, que visam trazer mais comodidade para os profissionais que lá trabalham, assim como, um melhor acolhimento para as pessoas que necessitam ficar internadas. Até dezembro, vamos entregar mais espaços reformados”, comenta Bandeira.

Os recursos da reforma da Ortopedia são oriundos do próprio hospital. Já o mutirão é uma iniciativa do Governo do Estado do Piauí, através da Fundação Estatal Piauiense de Serviços Hospitalares (Fepiserh), Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) e Fundação Municipal de Saúde (FMS), via Central de Marcação de Consultas.

Fonte: Ccom Governo do Piauí