Projeto de dessalinização da água beneficiará 11 mil pessoas no litoral piauiense


Em parceria com a empresa israelense Mitrelli, o Governo do Estado está desenvolvendo um projeto piloto de dessalinização e purificação de água no litoral do Piauí. Para tratar sobre o projeto, o governador Wellington Dias reuniu-se, nesta quinta-feira (08), com os técnicos da Mitrelli e os gestores da Secretaria de Estado da Administração e Previdêndia (Seadprev), Superintendência de Parcerias e Concessões (Suparc), Instituto de Águas e Esgotos (Iaespi) e Agespisa.

dessalinização litoral

O projeto consiste na implantação de uma planta dessalinizadora no município de Barrinha, que também beneficiará a população de Cajueiro da Praia e Barra Grande. Tal planta é composta por três containers que recebem água de poços construídos próximos ao mar, com alto grau de sal e transformam em água potável. A vazão será de aproximadamente 40 mil l/h.

Cerca de 11 mil pessoas receberão água potável no padrão da Organização Mundial de Saúde (OMS). “Este é um modelo testado em Israel. O padrão da água é bom, atende às necessidades da sociedade e o custo é compatível com aquilo que se pratica comercialmente no Brasil. Com isso, poderemos atender de forma massificada a população que precisa desse serviço”, destacou o governador.

O investimento será de mais de 1 milhão de dólares. “Trouxemos essa tecnologia a outras empresas para garantir toda a lisura do processo, que será feito por meio de uma licitação comum. Os containers devem ser implantados em 120 dias. A partir deles, a água passará por um processo de pré-tratamento, pela dessalinização e pelo pós-tratamento, que garante a sua qualidade e potabilidade”, pontuou o engenheito da Mitrelli, Vinicius Reis.

 

Fonte: CCom Piauí