Wellington abre maior evento de energia eólica da América Latina


O governador Wellington Dias participou, no Rio de Janeiro, da abertura da oitava edição do Brazil WindPower – energia dos ventos, em inglês – maior evento de energia eólica da América Latina. O encontro, realizado entre os dias 29 e 31 de agosto, reúne empresários e investidores das mais diferentes áreas que envolvem o setor de energias renováveis e tem como intuito expor os principais avanços e novidades do mercado.

energia eolica

Membro da mesa de abertura do WindPower, Dias considera estratégica a posição que o Piauí tem ocupado no cenário nacional. “Aqui eu tive a oportunidade de apresentar, pelo Piauí, as alternativas, as motivações para que esses investidores possam investir no estado. Vamos ter dois leilões agora no mês de dezembro e eu estou muito confiante que mais uma vez a grande surpresa, a grande revelação do Brasil, vai ser o Piauí: o melhor lugar para investir em energias e, neste caso, em energia eólica também”, destacou o governador.

Para uma platéia de centenas de investidores das mais diferentes áreas que produzem equipamentos, geradores, além das áreas de manutenção e construção civil para o setor eólico, Wellington não deixou de destacar motivos para investimentos no estado.

“Comemoramos aqui o recorde brasileiro na produção de energia. Dos dez maiores parques brasileiros em fator de desempenho, nove estão no Piauí. Temos ventos constantes, fortes e lá o seu empreendimento vai encontrar, na área onde há energia eólica, onde há ventos propícios, os pontos de conexão. São vários linhões na divisa do Piauí com o Ceará, Pernambuco e Bahia. Estamos garantindo também, ao lado do Tocantins e Maranhão, as condições para geração de energia com transmissão”, informou o governador para os empresários.

No evento, Dias também lembrou das experiência pioneiras que ocorrem aqui no estado, que integram às usinas eólicas equipamentos de captação de energia solar. Outro fator que torna o Piauí um território propício para investimento em eólicas foi o anúncio, feito por empresários do setor, da instalação de uma indústria para produção de torres e montagem de aerogeradores, no município de Lagoa do Barro, no sudeste do estado.

Para o governador, o desenvolvimento de alternativas de geração de energia é primordial para o avanço econômico em outras áreas como a indústria e a produção agrícola irrigada. Ele pontuou ainda a sanção dos novos leilões de renováveis previstos para os próximos meses. “Acreditamos no Brasil, precisamos nos preparar para mais energia. Eu quero dizer que os leilões apontados para dezembro e para fevereiro movimentam toda a economia. Queremos agradecer a investidores do Brasil, e a investidores de outros países que acreditam no setor  e seguem fazendo investimentos”, agradeceu Wellington.

Dias finalizou o discurso de abertura apontando os dados positivos do Piauí na contramão da crise nacional e agradecendo ao setor empresarial pelos resultados. “Quero saudar esse momento e trazer essa palavra de confiança. Mesmo com toda essa situação [de crise], continuamos com crescimento econômico, com alta capacidade para crescer, com saldo positivo de emprego e o setor de energia solar, eólica e biomassa responsáveis por grandes investimentos no meu estado e na nossa região nordeste”, concluiu o chefe do Executivo piauiense.

 

Fonte: CCom Piauí