Governo dará continuidade a operações de segurança


Representantes de entidades da segurança pública e prisional do Estado se reuniram na manhã desta sexta (25), na sede da Secretaria de Justiça do Piauí, para avaliar as ações desenvolvidas, durante a semana, no tocante às operações de segurança nas ruas e presídios, bem como para prosseguir com o planejamento das próximas medidas a serem adotadas, nesse sentido.

segurança

Nos últimos dias foram realizadas ações de contenção de motim na Casa de Custódia e as operações Immediatu e Coerção – ambas simultaneamente e em conjunto, voltadas a desarticular atos criminosos no presídio e nas ruas da Teresina, o que resultou na prisão de envolvidos em crimes, como perturbação da ordem na unidade prisional e queima de ônibus na capital.

De acordo com o secretário de Justiça do Piauí, Daniel Oliveira, o Estado continuará com as operações de segurança no sistema prisional e nas ruas, de modo a prevenir a ocorrência de crimes. “Esse trabalho é contínuo, não para. Daremos sequência ao planejamento entre as secretarias de Justiça e Segurança e as polícias Militares e Civil, de modo a evitarmos distúrbios”, explica.

O comandante do Comando de Missões Especiais da Polícia Militar, coronel Sousa Filho, fez uma explanação sobre os procedimentos realizados na Casa de Custódia. Os pontos foram analisados pelo secretário e subsecretário de Justiça, diretores de Administração Penitenciária e de Inteligência e Proteção Externa, Comando Geral da PM, Rone e Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco).

De acordo com as entidades, uma reunião está agendada para a próxima quarta-feira (30), para tratar das novas medidas em execução, a partir de agora. A Secretaria de Justiça reforça que a segurança nos presídios está sendo reforçada. Na tarde dessa quinta (24), ao fim da vistoria geral na Custódia, 72 presos da unidade foram transferidos para oito presídios do interior do Estado.

Na última semana, cerca de 100 presos foram transferidos da Casa de Custódia para outros estabelecimentos penais. Hoje, a Custódia conta com 957 detentos, menor quantidade de presos no presídio desde janeiro deste ano. O secretário Daniel Oliveira ressalta que também está adotando medidas para continuar a reduzir o índice de lotação da unidade.

 

Fonte: CCom Piauí