Fotógrafa registra poeticamente a angústia de sua sensação de ‘borboletas no estômago’


Borboletas no estômago. A expressão é bastante popular em países de língua inglesa e, ainda que não seja tão usada por aqui, a sensação parece ser perfeitamente descritiva e reconhecível para quem sofre ou já sofreu de momentos de ansiedade.

Foi essa sensação que a fotógrafa e artista ucraniana Anya Anti decidiu retratar – literalmente. Para tal, ela utilizou um esqueleto, diversas montagens fotográficas em camadas, e mais de 3 horas de edição. O resultado é, ao mesmo tempo, literal e poético, e bastante bonito.

Fotografando primeiro o esqueleto com borboletas artificiais na altura do estômago, e depois ela própria na mesma exata posição, para em seguida sobrepor as imagens no Photoshop e criar a colagem dela própria “abrindo” o ventre para permitir que essas borboletas da ansiedade possa voar livremente para fora dela.

A sensação, que pode significar também a ansiedade pela expectativa de algo bom, muitas vezes é também paralisante e aflitiva – e ambos os aspectos são contemplados pela criação de Anya.

Para ela, a imagem é uma metáfora sobre como lidar com estresse e a ansiedade: libertando suas “borboletas” internas, lutando para se transformar em uma nova pessoa. A inspiração veio de sua própria trajetória, tendo de lidar seus próprios pensamentos sombrios e sua depressão.

A arte é de fato um caminho rico e transformador para tornar uma metáfora em algo literal – e conseguir realmente, para além do sentido simbólico, se livrar do mal sentido dessas “borboletas” que muitas vezes trazemos dentro de nós.

Todas as fotos © Anya Anti

 

Fonte: Hypeness