Centro Esportivo vai estimular a prática de atividades com alto rendimento em Teresina


A equipe de obras da Superintendência de Desenvolvimento Urbano Leste (SDU Leste) esteve na quinta (22) visitando e acompanhando o andamento da construção do Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) localizado no Vale do Gavião, zona Leste da cidade. O empreendimento é fruto de um convênio com o Ministério do Esporte, com contrapartida da Prefeitura de Teresina, e tem custo total de R$ 3,9 milhões. O projeto incentiva a iniciação esportiva e integra, num só espaço físico, atividades e prática de esportes de alto rendimento, estimulando a formação de atletas, entre crianças e adolescentes.

 

A engenheira civil e representante do Ministério do Esporte, Débora Mara Caldeira, tem acompanhando a evolução da obra. “Em Teresina a obra é uma das cinco que estão mais adiantadas no país e isso nos deixa muito satisfeitos, mas, ao mesmo tempo, nossa expectativa é aumentar a evolução da obra”, ressaltou.
O complexo terá área total de 1.700 metros quadrados, contando com um planejamento para o uso do ginásio em várias modalidades esportivas, como futebol, tênis, handball e judô, com 184 assentos, sendo quatro destinados para cadeirantes. “Já providenciamos a execução do piso junto à empresa contratada de São Paulo, que ficará responsável pela implantação e adequação. O material do piso requer um conhecimento técnico, já que é específico para o espaço e importado da Alemanha. Começamos também a pintura da cobertura do ginásio e algumas paredes internas, imprimação das pistas e também a limpeza do local no espaço destinado ao arremesso de peso. Nossa programação de entrega da obra é para o aniversário da cidade, em agosto”, explicou o gerente de obra, José Alberto Guimarães.
O professor e mestre de capoeira Hildo Júnior Teles aguarda com expectativa a entrega do Centro. “Desenvolvemos um trabalho voluntário com mais de 40 alunos, todos moradores do grande Vale do Gavião. São crianças e adultos que escolheram o esporte como melhoria de vida. Logo, considero a obra do CIE importante para que esse trabalho não pare e assim possamos continuar mudando o futuro de muitos jovens”, contou o mestre.
Para o presidente da Associação de Moradores do Vale do Gavião, Mariano Júnior, o Centro vai trazer à região uma oportunidade para descobrir novos talentos olímpicos e paraolímpicos no Piauí, com o objetivo também de manter jovens e crianças ocupados, longe das drogas.