Projeto Desperdício Zero conscientiza alunos sobre alimentação escolar que vai para o lixo


703cffcc99

Um levantamento da Secretaria Municipal de Educação (Semec) revelou que grande parte da alimentação escolar distribuída nas unidades de ensino da Rede Municipal é desperdiçada pelos alunos. Como estratégia para coibir a prática, que traz prejuízos para a escola pública, a equipe de Nutrição da Semec está desenvolvendo o Projeto Desperdício Zero.

Através de palestras impactantes, os alunos são envolvidos em um processo de sensibilização para que sejam responsáveis pela quantidade de comida colocada no prato. O diálogo começou pela Escola Municipal Eurípides de Aguiar, uma das maiores e mais tradicionais unidades de ensino da capital. Só nesta escola são desperdiçados cerca de 15 kg de alimentos por dia.

A nutricionista Lúcia Maranhão vem acompanhando a rotina dos 600 alunos da Eurípides de Aguiar no horário das refeições e realizando a pesagem das sobras dos pratos, avaliando a quantidade deixada para trás. “É uma espécie de costume, ninguém liga para o resto de alimento que deixa, mas isso faz muita diferença para quem precisa. São quilos e quilos jogados no lixo todos os dias. Nosso objetivo é mostrar que cada um é responsável pelo que está consumindo ou desperdiçando”, explica Lúcia.

Durante as palestras são exibidos vídeos reais de famílias em situação de fome extrema. A nutricionista também mostra no telão imagens capturadas durante as refeições na própria escola, a fim de revelar na prática os prejuízos dessa atitude. “Esperamos reduzir bastante esse desperdício, os alunos estão entendendo a mensagem”, afirma a nutricionista.

Para a pedagoga da escola, Socorro Rodrigues, a ação é necessária e urgente. “Funcionamos em jornada de tempo integral, os alunos fazem todas as refeições na escola e tudo é pensando para garantir a melhor alimentação possível, não faz sentido jogar comida fora quando muitos alunos não têm essa comida em casa”, destaca. Nas próximas semanas a equipe deve repetir a pesagem das sobras para avaliar os resultados do diálogo.