Prédio da Praça dos Skatistas será usado para projetos educacionais em TI


Na última terça (25), a equipe da Superintendência de Desenvolvimento Urbano Leste (SDU Leste) esteve com representantes da Secretaria Municipal de Economia Solidária (Semest) e da Universidade Federal do Piauí (UFPI) onde foi realizada visita técnica ao prédio localizado na Praça Ocílio Lago, mais conhecida como a Praça dos Skatistas. O espaço que foi revitalizado e entregue ano passado, vai receber projetos na área da Tecnologia e Comunicação a serem desenvolvidos pelos órgãos educacionais em parceria com o município.

Segundo Márcio Sampaio, superintendente executivo, o encontro com as entidades serviu para deixar acertadas as demandas específicas. “Nós da SDU ficamos responsáveis pela reforma do prédio e da praça, serviços estes já concluídos. Na vistoria ficou constatada a necessidade de futuras intervenções como instalações externas e pontos de energia, reforço da pintura externa entre outros acabamentos e intervenções que serão definidas. Por isso, esse levantamento será levado ainda para reunião com secretários onde será discutida a responsabilidade de execução de cada envolvido”, explicou.

A UFPI irá entregar o projeto contendo a logística de uso do espaço, quantidade de profissionais, assim como outros detalhes. “O objetivo é adequarmos às necessidades de uso e fazermos algumas intervenções”, contou Sampaio. Além disso, a SDU disse já ter orçamento e projeto pronto para fechamento do prédio com o uso de grade metálica idêntico ao utilizado no Parque da Cidadania.

Com a reforma e revitalização do prédio, demanda da própria comunidade, a PMT gastou recursos no valor de R$ 142.443,94 mil. O prédio que abrigou a Fundação Nacional do Humor no passado será utilizado como um espaço de inovação tecnológica. Para o prefeito Firmino Filho, o conhecimento e desenvolvimento de projetos na área da Tecnologia da Informação trazem um novo cenário à cidade. “É necessário abraçarmos as ideias criativas, pois elas geram resultados significativos na área da educação, empreendimento, comércio, entre outros. Nosso objetivo é tornar Teresina uma cidade polo para o desenvolvimento tecnológico de forma integrada”, disse o prefeito.

Segundo Airton Oliveira, estudante de publicidade, a reforma é de extrema importância para a juventude de Teresina. “Fico feliz em saber que o espaço terá nova proposta voltada para projetos de Tecnologia e Comunicação, área que tem crescido bastante na cidade e o jovem é protagonista nesse cenário”, contou.