HUT registra aumento de 27% nas agressões físicas durante o feriado


Nos feriados prolongados é bastante comum o aumento no número de atendimento no Hospital de Urgência de Teresina (HUT). Durante o feriado de Tiradentes, por exemplo, o Hospital registrou um aumento de 27% no número de atendimentos, se comparado com o mesmo período do ano passado. Foram 33 atendimentos, sendo 11 vítimas de arma de fogo, 18 de arma branca e quatro com outros meios. No total, o HUT realizou 461 atendimentos e 125 cirurgias.

Com relação aos acidentes de trânsito o HUT atendeu 111 vítimas, dentre as quais 100 foram vítimas de acidentes com motocicletas, quatro com carro e sete vítimas de atropelamento. “Como o HUT agora é alta complexidade para o atendimento do trauma estamos recebendo somente os pacientes mais graves. Com isso, passamos a refletir o aumento da imprudência no trânsito e o aumento da violência nas ruas. Nossos números são o espelho da nossa sociedade”, destacou Dr. Gilberto Albuquerque, diretor geral do HUT.

Durante a Semana Santa o Hospital de Urgência de Teresina (HUT) realizou 567 atendimentos e 198 cirurgias. O setor de estatística do HUT registrou um aumento 15% nos casos de agressão física, se comparado com mesmo período do ano passado. Foram atendidos 38 casos de agressão física, sendo 16 vítimas de arma branca, 12 vítimas de arma de fogo, sete espancamentos e três com outras formas.

Somente no primeiro trimestre deste ano o HUT atendeu 784 vítimas de agressão física. Destes, 349 foram vítimas de arma branca, 249 foram vítimas de arma de fogo, 131 de espancamento e 55 com outros meios. Em 2016 foram 3.071 casos, sendo que 1206 foram vítimas de arma branca, 885 foram vítimas de arma de fogo, 654 de espancamento e 326 com outros meios.