Feira estimula agricultura familiar


559494d05f

Os pequenos produtores de três comunidades rurais da capital participaram, nesta quarta-feira (12), da Feira da Agricultura Familiar de Teresina, promovida pela Secretaria Municipal do Trabalho, Cidadania e Assistência Social (SEMTCAS), no pátio da Secretaria. A ação é coordenada pela Gerência de Segurança Alimentar e Nutricional (GSAN), da SEMTCAS.

Ana Diva, gerente de Segurança Alimentar e Nutricional da SEMTCAS, ressalta que a Feira é uma das ações que visa ao incentivo da mudança do processo de produção. “A Feira é só um dos elos finais da cadeia de ações que o COMSEA (Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional), que une várias instituições, incentiva para que Teresina ganhe em todos os aspectos, como a melhoria da situação social dos produtores, incentivo da economia local e a saúde da população”, destaca.

Livre do uso de agrotóxicos e adubos químicos, os pequenos produtores buscam a certificação de produtos orgânicos, dada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), que acompanha a produção e o cultivo dos vegetais e das frutas comercializadas.

“Eu, que estava desempregada, comecei a trabalhar na minha comunidade e vejo que tudo está correndo bem pra que haja a certificação. A gente sempre participa das feiras da praça (Rio Branco) e é muito bom pra todos, porque nós podemos mostrar os nossos produtos”, afirma Teresinha Clemente, da comunidade Serra do Gavião, onde o projeto “Campo Agrícola” atua com 22 pessoas.

 

Impacto social

Além da Serra do Gavião, produtores das comunidades do Vale da Esperança e Soim também participam da Feira. “Escutando a história das pessoas que participam da Feira todos os meses, o que percebemos é que estas ações tanto aproximam ainda mais o poder público da sociedade quanto agem diretamente na vida dessas pessoas que produzem e têm na produção rural, a sua única ou mais uma fonte de renda”, finaliza Samuel Silveira, secretário municipal do Trabalho, Cidadania e Assistência Social.