Após seis jogos, Waldemar Lemos é desligado do River-PI: “Muita surpresa”


Diretoria oficializa saída do treinador carioca após vitória em clássico. Discussão em vestiário com funcionários do Galo teria criado clima de ebulição no Poleiro do Galo

O River-PI informou, nesta sexta, que o técnico Waldemar Lemos não seguirá à frente do comando do time na temporada. Por meio de nota em seu site, o clube confirmou a saída do treinador, que trabalhou no clube nas últimas cinco partidas oficiais em 2017. A direção tricolor prometeu ir atrás de um substituto o mais breve possível. Após a vitória no clássico, Lemos viajou ao Rio de Janeiro, seu estado natal, não se reapresentou desde então e garantiu retornar à capital piauiense no domingo.

– Vou estar aí (Teresina) no domingo. Muita surpresa – resumiu o ex-tricolor.

Em contato com a reportagem, Waldemar revelou que o presidente Elizeu Aguiar foi quem o informou do desligamento. O dirigente do Galo tentou justificar a saída do comandante.

– Na realidade é um momento atípico no futebol. Normalmente a gente faz mudança quando existe uma derrota ou o time não vai bem. Waldemar é um grande treinador e tem feito um grande trabalho no River-PI. Trouxemos um nome para impactar. E impactou. Nós fomos muito claros a ele colocando as realidades do clube. Existiram algumas exigências por parte do treinador que nós não conseguimos cumprir, mas nunca deixamos de conversar. São coisas internas que não gostaria de externar – explicou Elizeu Aguiar à TV Cidade Verde.

De acordo com pessoas ligadas ao clube, a situação teria ficado insustentável após a discussão do treinador com membros da comissão e jogadores no vestiário do estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina, após a vitória por 2 a 0 sobre o Piauí. Na ocasião, Lemos chegou a cobrar “alegria e disposição” em tom mais duro. Veja no vídeo acima.

Apresentado pelo Galo no dia 13 de dezembro, Waldemar encorpou as promessas de montar, mesmo sem o elenco completo à época, um time forte para a conquista do Campeonato Piauiense e disputa das Copas do Nordeste e do Brasil. Os trabalhos no Poleiro do Galo começaram 14 dias depois com todos os jogadores disponíveis.

Waldemar Lemos, River-PI  (Foto: Victor Costa/RiverAC)
Waldemar Lemos no River-PI (Foto: Victor Costa/RiverAC)

Com o calendário em curso, o River-PI venceu cinco partidas e perdeu apenas para o Sete de Setembro, em Dourados (MS), na 1ª fase da Copa do Brasil. O Tricolor é líder do primeiro turno do estadual com quatro pontos e segue na ponta da tabela do Grupo C da Copa do Nordeste com sete pontos, à frente de Sport, Sampaio Corrêa e Juazeirense.

Confira na íntegra a nota do clube:

“O River Atlético Clube vem através de nota oficial comunicar o desligamento do treinador Waldemar Lemos. A diretoria do clube agradece o trabalho realizado pelo treinador até o momento e deseja sorte ao treinador em sua próxima caminhada. O clube irá estudar um novo nome para assumir o time tricolor na temporada 2017”.  

Waldemar Lemos no River-PI (Foto: GloboEsporte.com)